Foto de uma família curtindo a Praia Boca da Barra num dia ensolarado

Combate ao Aedes Aegypti é mantido em Rio das Ostras

  • Foto: Gabriel Sales
    Descrição da foto
    Trabalho de combate à dengue continua
  • Foto: Gabriel Sales
    Descrição da foto
    Moradores precisam contribuir com o trabalho dos agentes
Publicada em: 27 de Março de 2020 - 16h49 Por: Departamento de Jornalismo - ASCOM
Trabalho de combate à dengue continua Foto: Gabriel Sales
Moradores precisam contribuir com o trabalho dos agentes Foto: Gabriel Sales

Equipes da Vigilância em Saúde realizam ações preventivas e educativas conscientizando a população

Em Rio das Ostras, o trabalho de combate ao mosquito Aedes Aegypti, transmissor da Dengue, Chikungunya e Zika, é mantido e intensificado durante as medidas tomadas para restrição de circulação de pessoas em função do Coronavírus – Covid-19. A medida é importante para evitar a proliferação do mosquito.

Equipes da Vigilância em Saúde realizam ações preventivas e educativas em áreas urbanas do Município, conscientizando a população a respeito dos cuidados e também sobre a importância de receber os agentes nas residências.

A Secretaria de Saúde divide o Município em seis áreas, sendo que cada uma delas com 9 a 14 localidades. Um exemplo é a localidade do Âncora, que possui mais de 13 mil imóveis. Por isso, a importância de manter o trabalho de prevenção.

ALERTA – Como destaca o coordenador da Vigilância em Saúde, Marcelo Barelli, a situação merece atenção e muita colaboração dos moradores, tanto em cuidar de suas residências para evitar focos, quanto para receber os Agentes de Combate às Endemias. “Isso é fundamental, dentro do Plano Municipal de Controle de Arboviroses, para manter os índices e incidências em uma margem satisfatória”, destacou Barelli.

Pesquisa no Portal